Corpo de Ricardo Boechat é velado no Museu da Imagem e do Som em São Paulo

O corpo do jornalista Ricardo Boechat esta sendo velado no Museu da Imagem e do Som (MIS), em São Paulo. Boechat, morreu no início da tarde de ontem, segunda feira, 11/02 após o helicóptero em que estava cair na Rodovia Anhanguera, ele tinha 66 anos.

O velório começou no fim da noite de ontem com uma cerimônia com os familiares. Depois, no início da madrugada, foi aberto ao público. O governador de São Paulo, João Doria, e o presidente do Grupo Bandeirantes de Comunicação, João Carlos Saad já compareceram no local. A viúva de Boechat, Veruska Boechat, afirmou durante a cerimônia que ele foi o ateu que mais praticava o amor ao próximo.

Boechat participou dos principais jornais do Brasil, como O Globo, O Dia, O Estado de S. Paulo e Jornal do Brasil. Seu último trabalho foi no Grupo Bandeirantes de Comunicação, onde estava desde 2004, quando começou como âncora do noticiário matinal BandNews FM em 2005. Também assinava uma coluna semanal na revista ISTOÉ.

Curta Nossas Redes Sociais:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*